Aniversário do Livro 'Elas do Avesso' - Apresentação e Concerto

Aniversário do Livro "Elas do Avesso" - Apresentação e Concerto


When?

Start time: Sunday 16:00 (11 February)
End time: Sunday 18:00 (11 February)

Where?

Casa Allen
Rua António Cardoso, n.º 175, Porto
Music

About

Um ano depois, o "Elas do Avesso" ganhou formas... múltiplas, metamorfoseadas na despersonalização das máscaras, de objetos de culto que autora foi perdendo (de que se foi desfazendo, porque não precisa mais deles). O #ElasDoAvesso ficou mais verdadeiro, mais sério, mas também mais humorado, menos "importante", altivo, mais despojado do que já não serve, da maquilhagem extra. Como diz António Lobo Antunes, é preciso limpar a gordura, a carne, até chegar ao osso, deixar só o que realmente importa... Ainda temos muita gordura, muita carne para tirar às frases, aos versos e a tudo o que sobeja e não serve, mas fazemos esse caminho, mais conscientes, menos mascaradas, menos arquetípicas, menos defendidas, mais vulneráveis e prontas a desfazerem-se, porque há uma essência que não morre, que é invulnerável à massa humana, que magoa, corrói, dilacera e, às vezes, as cortou aos pedaços. Foi também por isso que perceberam que não adiantava mais quererem ser perfeitas sob a forma de palavra, moldar a expressão e lamber o alcatrão do discurso... nada irá ser bom o suficiente para os outros se não for verdadeiro para elas - que sou Eu, partida em mil, unida no Todo que me leva.

Abandonei, tento - estou consciente disso, pelo menos - abandonar o teatro, o joguete, a segurança ignóbil de ser perfeita, de ser aceite por quem lê... isso deixou de contar, porque se contasse, eu seria obrigada a desistir. E eu nunca desisti. Este é um livro sobre a Verdade, a minha, um passo para ela, pelo menos. Não quer ser Saramago nem autores de casta ou nobiliarquia, se é que a Arte conhece isso... quer meramente Ser, deixar-me ser quem eu sou... sou eu a bater à porta de mim, desesperada para entrar, para viver a minha vida, de acordo com aquilo que me faz bem, que é Verdade em mim...

É um livro também de dizer caralhos, de dizeres complexos, de ditos filosóficos, de construções sintáticas de que me orgulho... mas é, por outro lado, um livro de mim a despir-se de mim, da minha carne mórbida a cair, de pele em farelo que já não é minha, é um livro que traz as minhas pernas ao léu, que é mal entendido, que é conotado com sexo, quando há apenas três textos sobre o tema (em 202 páginas)... sinto que é um livro muito mal compreendido, porque eu própria não o compreendi, não o amei, não o acolhi como ele é... apontei-lhe o dedo vezes de mais, gozei com ele, envergonhei-me do meu trabalho, por achar que ele não é suficiente... maltratei-o... fiquei sempre à espera de fazer melhor, de ser melhor... de me perdoar por não ser tão boa quanto eu achava que devia ser... hoje, ponho-me no estendal, de peles e carne viva ao dependuro... desistente da causa extenuante de ser perfeita...

Um ano depois, eu percebi que só quero ser eu, viver a minha vida, livre do que os outros acham ou deixam de achar... mas, para isso, eu vou ter de me aceitar como eu sou, aceitar-me é um passo chamado amor incondicional... espero que 2018 e este dia, 11 de fevereiro, em que se celebra o aniversário do meu primeiro livro, me ensinem isso de me amar incondicionalmente... independentemente do aplauso, de uma sala cheia ou de uma sala vazia... porque o auditório, o único que realmente importa, sou eu, e eu confesso que passei muito tempo sem lhe dar ouvidos.

Esta é a festa da Liberdade... da minha liberdade. De Ser quem EU SOU, de me libertar dos cárceres... mais um bocadinho.

Para o ano serei outra... mas, agora, bastam-me 2018, a Casa Allen, a Sara Sousa a cantar, a minha mãe, o meu pai e os meus amigos. O resto é bónus e acho que já sou bem abençoada por conseguir manifestar mundo fora de mim. Isso já é uma grande capacidade de cocriar... e eu acho que tenho feito o meu papel. Não tão perfeito como eu gostaria, mas isso é costura do ego e, cá entre nós, às vezes, ele é um grande filho da puta.

Este não é um evento de intelectualidade, é uma comemoração da verdade despojada de uma humana que tenta ser Ela no mundo. Isso foi, tem sido, o maior ato de coragem que tive até hoje. E sou grata por isso.

Neste dia, contamos comigo, um livro, a Sara e a Voz em animismo, essa magia que ela faz, chamada música, Vinho, porque é fevereiro e o tinto sempre me aquece, uma sala bem ao meu estilo (entre o maneirista, o barroco e o rococó) e umas horas de verdade nos joelhos e nos olhos.

Será um momento de balanço festivo do que foi, a par da apresentação do livro Elas do Avesso com os meus olhos novos,bem como de novos projetos e eventualmente algumas surpresas.

A quem vier, obrigada! <3

Obrigada à Casa Allen, à Casa das Artes, à @DRNC, ao Ministério da Cultura e à Paula Joana Guimarães, que mediou todo o processo com as instituições. Obrigada à Prestibel e ao sr. Vítor pela rápida resposta.

Ao mundo em mim, a Deus, ao Espírito Santo em realidade manifestada, obrigada.

Márcia Aires Augusto



Events around Casa Allen

Viagem a Bali - Uma Jornada de Yoga, Meditação e Cultura
100 m »

Viagem a Bali - Uma Jornada de Yoga, Meditação e Cultura

Wednesday 18:00 (18 April)
Casa da Alma, Boavista

ENIA 18 - Encontro Nacional de Internos de Anestesiologia
150 m »

ENIA 18 - Encontro Nacional de Internos de Anestesiologia

Friday 09:00 (19 October)
Crowne Plaza Porto, Porto

FOGE de Jordan Peele
400 m »

FOGE de Jordan Peele

Saturday 18:00 (27 January)
Casa das Artes, Porto

O Cão Branco de Samuel Fuller
400 m »

O Cão Branco de Samuel Fuller

Thursday 21:30 (25 January)
Casa das Artes, Porto

Hora do Conto / Jogos Pedagógicos 'Mar de Experiências'
350 m »

Hora do Conto / Jogos Pedagógicos "Mar de Experiências"

Saturday 17:30 (17 February)
Salta Folhinhas, livraria infantil, Porto

Showroom Porto
500 m »

Showroom Porto

Friday 16:00 (23 March)
BessaHotel Boavista, Porto

Apresentação: Antologia Poética de Carl Sandburg
600 m »

Apresentação: Antologia Poética de Carl Sandburg

Saturday 17:00 (10 February)
Flâneur, Porto

February: A Little Life by Hanya Yanagihara
650 m »

February: A Little Life by Hanya Yanagihara

Wednesday 20:30 (21 February)
Pizzaria Luzzo Boavista - Porto, Porto